O Parque

 
 
 

 

 

E parece que o verde nos aquece,

E parece que o instinto nos atrai,

Á esse jardim secreto.

Escondidos pelas paredes mofadas,

O desejo, a tara, às claras,

Eis o nosso Éden.

Perdido pras bandas da Barra Funda,

As águas no céu, ensaiam cair,

Adão e Eva.

 

.de Almeida .Guilherme .will rimOlogia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
 
 

 

 

 
 
 
 
 

 

 

Uma resposta para “O Parque

  1. na boa man!
    vc é poeta absoluto, tu escreveu algo tão, mais tão simples, mas que acabou mostrando uma genuídade absurda e plenamente poética…esplêndido!!

    na verdade não sei explicar!!

    paz se o rap não der dinheiro tenta nas poesias!!

    ahahahahahga

    é nois!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s