Luzes

Existe uma luz.

 

Por mais que olhe para dentro

E apenas enxergue trevas

Existe sim.

 

Apenas não raiou.

 

São tantos dias no breu

Que já desconheço a luz que havia.

O menino

A criança

Esperança…

 

Mas existe.

 

 

Por mais escuro que pareça

Esse brilho é eterno

E mesmo em nuvens densas

Sempre esteve aqui.

 

Cego.

Mas não perdi a visão

Ainda tenho olhos

Os naturais estão doentes

Mas os da alma enxergam longe.

 

Luz do céu

Brilhe em mim!

E quando isso acontecer

Ninguém mais irá lembrar dos dias

Em que andei cego.

 

E ai sim verão,

Que não é a luz que forma as sombras

Mas sim os obstáculos

Que já não mais existirão.

 

.deAlmeida .Guilherme. will RimOlogia

Anúncios

2 Respostas para “Luzes

  1. Consigo entender completamente esse texto.

    Sem segredos. Essa luz dentro de nós parece não se apagar nunca. Mas ao mesmo tempo, não temos força para fazê-la brilhar mais do que tudo em nossas vidas.

    Estou cansado desse jogo. Mas é assim! Vou levando a vida, antes que ela me leve.

    Abraço Amigo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s